Logo que vier…

Palavras não me cabem mais, mesmo que o silêncio não me ocupe. Quando a resposta é sabida, não há questão que se faça. Mas saiba, então, que nada sabe. Pois saber alguma coisa no tudo que não visto é sentir sabor naquilo que não se prova. O que tem gosto, passa. O que textura, desgasta. E o que tem cheiro, evapora… logo que o próximo clique vier…

©Possam todos os seres se beneficiar.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s